Espaço onde se abordam relevantes questões relacionadas com o desporto em geral.
Terça-feira, 18 DE Agosto 2015

A ser verdade a instauração da acção judicial, desde logo parece que se deve esclarecer que o tempo decorrido, cerca de 2 meses, não impede que o SL Benfica tome as medidas legais em causa.

 

Quanto ao processo judicial propriamente dito, teremos de aguardar para saber quais são os fundamentos jurídicos e factuais concretos do mesmo. No entanto parecem existir indícios (que são públicos) que sustentam a tese do SL Benfica no que diz respeito a Jorge Jesus ter desempenhado funções como novo treinador do Sporting CP ainda no decorrer do passado mês de Junho quando estava contratualmente ligado aos "encarnados". Nomeadamente a planificação da nova época nas instalações do novo clube e a realização de contactos com atletas que estavam em vias de ser contratados pelo Sporting CP.

 

As instâncias judiciais, com base nos argumentos de cada uma das partes, decidirão. Não será um processo célere.

Entretanto mais uma polémica surge no futebol português que servirá para alimentar a comunicação social e para transformar pessoas normalmente sensatas em comentadores descontrolados e a salivar de raiva clubística.

 

 

Pedro Miguel Branco

(Advogado - www.pedromiguelbranco.pt)

 

 

publicado por Pedro Miguel Branco às 14:44
Agosto 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO